Beja: Gangue de assaltos a multibancos detido. Houve assaltos e tentativas na região.


Entre setembro de 2016 e dezezembro de 2017 perpetraram 86 assaltos à bomba a caixas multibanco, que rendem 2,77 milhões de euros. Em Beja fizeram dois assaltos com sucesso e houve dois abortados.

Com recurso a gás, o gangue chegava, explodia as caixas, recolhia as gavetas com dinheiro e fugia sem deixar rasto, até que a PJ conseguiu jogar a mão aos seus catorzes integrantes.

No início do ano de 2017, em Beja, o grupo rebentou  duas caixas e pelo caminho ficaram mais duas que foram abortadas pelo facto do grupo ter sido visto, de forma inadevertida, por transeuntes.

Em 3 de janeiro de 2017: O grupo rebentou a caixa do Pingo Doce, na Rua 5 de Outubro, em Beja, tendo sido roubados 40 mil euros. O crime ocorreu cerca das 04,30 horas. Um carro com três indivíduos parou junto ao ATM e fez explodir a mesmo, levando de seguida a caixa com dinheiro, deixando o local num automóvel. A caixa tinha sido carregada no dia anterior.

30 de janeiro de 2017: A passagem de uma pessoa, levou o gangue do multibanco a “abortar” o assalto a caixa ATM de uma gasolineira, na madrugada desse dia. Pouco passava as 03,30 horas, quando uma viatura preta, da mesma marca e modelo da usada no roubo na superfície comercial, com a matrícula tapada, parou na zona de estacionamento da gasolineira, de onde saíram, pelo menos dois indivíduos, transportando uma garrafa de gás. O cidadão avisou a empresa do sucedido e vistas as câmaras de filmar, foram comprovados os pormenores acima descritos. A dada altura a viatura desaparece do ângulo das câmaras de filmar, já que a ideia dos ladrões seria introduzir-se no interior da loja e fazer o rebentamento no interior do estabelecimento.

16 de fevereiro de 2017/ 03h30 horas: O grupo dirigiu-se ao multibanco do Crédito Agrícola, em Cabeça Gorda, com o objetivo de o rebentar e levar o diheiro. De novo, tal como na gasolineira, um  transeunte passou de carro e o grupo com receio de ser descoberto, abandonou o local sem conseguir levar por diante os seus intentos. A GNR foi avisada, mas ao chegar ao local não encontrou rasto dos assaltantes.

16 de fevereiro de 2017/ 05h30 horas: A caixa multibanco da antiga dependência da Nova Rede/ Millenium, na Avenida Miguel Fernandes, em Beja, foi  assaltada com recurso a gás. Não houve vítimas, apesar do prédio ser habitado no primeiro andar. O crime ocorreu cerca das 05,30 horas, quando um carro com três indivíduos estacionou frente ao Café Avenida e fez explodir a mesma, levando de seguida as gavetas com dinheiro, deixando o local no mesmo automóvel. Os assaltantes partiram o vidro da porta da antiga dependência bancária com uma marreta, e fizeram explodir a caixa ATM pelo interior.

Teixeira Correia

(jornalista)


Share This Post On
468x60.jpg