Aljustrel: Cargador conectado a la red de suministro de agua del condado.


El pueblo del Carrier pasó, desde ayer, para ser suministrado a través de una tubería, que fue construido, entre la red de abastecimiento de Aljustrel y un embalse erigido en este lugar.

Com esta ligação, e esta infraestrutura, a aldeia do Carregueiro deixou de ser abastecida a partir de furos hertzianos, garantindo-se a disponibilidade de água a tempo inteiro, sem interrupções, e em quantidade e qualidade, e de acordo com todos os parâmetros exigidos por lei.

O momento, ese, foi assinalado simbolicamente junto da população do Carregueiro. Para a Câmara Municipal de Aljustrel, esta obra reveste-se da maior importância e é de elementar justiça, uma vez que permite que todo o Concelho de Aljustrel fique ligado ao sistema da Águas Públicas do Alentejo (AGDA).

Proyecto, este, que conclui um ciclo de investimentos que o Município de Aljustrel tem vindo a levar a cabo, garantido que todas as localidades do concelho, independentemente da sua dimensão e número de habitantes, são servidas pela mesma origem de abastecimento.

A conduta adutora, que foi implantada em vala paralela à EN2, tem uma extensão total de 8.078,00 metros lineares. O reservatório elevado, Sucesivamente, ergueu-se junto a uma das principais entradas da aldeia.

Para que esta ligação à rede fosse possível, nestes últimos dias, a Câmara de Aljustrel procedeu ainda à limpeza e desinfeção da conduta e ao controlo dos níveis de desinfeção da água.

Una inversión, que teve um custo total de 618.595,03 euros, que foi comparticipado pelo Programa Operacional de Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos (ORGANISMO), e que vem melhorar a qualidade dos serviços de abastecimento à população do Carregueiro.

Esta obra representa também para a Câmara de Aljustrel a igualdade de oportunidades, a melhoria da qualidade de vida e a coesão territorial concelhia.


Compartir este mensaje en
468x60.jpg