GNR: Nuevo comandante del Centro de Formación de Guardias de Figueira da Foz.


Teniente Coronel Rogério Copeto, es el nuevo comandante del Centro de Formación de Figueira da Foz (GSP) da Guarda Nacional Republicana (GNR). El funcionario, de 52 años de edad, es de Évora, y toma posesión mañana.

O novo comandante do CFFG da GNR, foi aluno da Academia Militar entre outubro de 1993 y 1998, e depois de concluído o Curso de Oficiais, exerceu até outubro de 2000 o cargo de comandante de Pelotão nos Curso de Formação da Guarda, no então Agrupamento de Instrução de Portalegre.

Rogério COPETO, foi entre 2001 y 2010, comandante dos Destacamentos Territoriais de Fronteira, Estremoz y Évora. Depois de passar por outras funções, exerceu entre 2013 y 2015 o cargo de Oficial de Relações Públicas do Comando Territorial de Évora (CTÉvora). Com a promoção à patente de Tenente-coronel, o oficial foi colocado no Comando Geral da Guarda onde assumiu o lugar de Chefe de Divisão de Ensino/ Comando de Doutrina e Formação.

Cinco anos depois de ter deixado o CTÉvora, en 21 Octubre 2020, o Tenente-coronel Rogério Copeto, regressou àquela unidade para assumir o cargo de segundo-comandante e de porta-voz do comando, estas últimas funções que já desempenhava antes de rumar a Lisboa.

O novo comandante do Centro de Formação da Figueira da Foz, assume o cargo um dia depois de se ter realizado a incorporação do 46º Curso de Formação de Guardas, por compuesto 327 guardas-provisórios, num curso que terá a duração aproximada de oito meses.

En 15 Diciembre 2015, o oficial foi condecorado pelo então Comandante-Geral da Guarda, Tenente-General Silva Couto, con el Servicio Distinguido Medalla de Plata Grado.

As funções de porta voz (Relaciones Públicas) GNR Évora, são assumidas pelo Capitão Ricardo Pasadas, Comandante do Destacamento de Trânsito de Évora, oficial que comandou o Destacamento Eventual de Trânsito da Volta ao Alentejo de 2021.

Teixeira Correia

(periodista)


Compartir este mensaje en
468x60.jpg