Serpa: Câmara lamenta falta de resposta do Minstério da Educação sobre escola.


A Câmara Municipal de Serpa emitiu um comunicado onde lamenta a falta de resposta do Governo sobre as obras na Escola Secundária de Serpa.

Diz o município que “vinte dias depois de a Câmara Municipal de Serpa ter pedido, com caracter de urgência, uma reunião com o Ministro da Educação sobre as obras na Escola Secundária de Serpa, não há qualquer resposta”.

Neste sentido, o Município voltou a insistir, enviando hoje um novo pedido de reunião, tendo em conta que os problemas estruturais da Escola são reais para alunos, professores e pessoal não docente.

Na opinião do Executivo Municipal, por diversas vezes divulgada, a requalificação da Escola Secundária de Serpa é urgente e cabe inteiramente ao Governo. Contudo, e tendo em conta o avançado estado de degradação daquele estabelecimento de ensino, o Executivo assumiu, há cerca de três anos, a possibilidade de ser promotor de uma candidatura a fundos comunitários, em que a responsabilidade de investimento é do Ministério.

Mas, nem mesmo com a oportunidade que a Câmara disponibilizou, se está a avançar. O Ministério da Educação está a desaproveitar a hipótese de se realizar uma obra avaliada em três milhões e quinhentos mil euros (números do Ministério da Educação), com apenas 500 mil euros, valor da comparticipação nacional da candidatura.

O Município lembra que o não aproveitamento deste financiamento comunitário é da exclusiva responsabilidade do Ministério da Educação.


Share This Post On
468x60.jpg